Ir para o conteúdo
02 Junho 2021

Secretário de Estado da Saúde encerra eHealthsummit.pt

Mais de 250 oradores e perto de 100 sessões temáticas preencheram os dois dias da iniciativa eHealthsummit.pt. Conhecimento, experiências, projetos e uma multiplicidade de temas que juntaram saúde e tecnologia nesta que foi a 4ª edição do maior evento de saúde digital do país, este ano inserida na Presidência Portuguesa da União Europeia.

No final do segundo e último dia de debates e apresentações de temas relevantes em áreas estratégicas da inovação tecnológica na saúde, o Secretário de Estado da Saúde, Diogo Serras Lopes, salientou a importância desta iniciativa e que “a tecnologia apenas faz sentido se for para servir as pessoas”.

No encerramento da edição de 2021, o governante destacou o papel que a tecnologia tem desempenhado no combate à pandemia, quer na vacinação, quer na telessaúde, e em outras áreas do setor, evidenciando os sistemas de informação e o trabalho e dedicação da SPMS.

eHealthsummit.pt contribuiu para promover a telessaúde, uma prioridade da União Europeia como a Ministra da Saúde, Marta Temido, afirmou, ontem, na cerimónia de abertura. No encerramento, Diogo Serras Lopes referiu que “nunca se deve desperdiçar uma crise”, acrescentando que “temos a certeza de estar mais fortes e de ter um SNS mais resiliente”.

eHealthsummit.pt contribuiu para demonstrar de que formas é que a tecnologia possibilita a prestação de serviços de saúde à distância com qualidade, eficiência, maior inclusão e humanismo.